Home Feminino Universíades Kazan/Russia 2013

Universíades Kazan/Russia 2013

Posted: Category: Feminino, Masculino, Seleção Date: 18/07/2013 Comentários desativados em Universíades Kazan/Russia 2013

Acabou a Universíades que aconteceu na cidade de  Kazan na Rússia. As seleções brasileiras de sevens foram compostas pelos nossos guerreiros e guerreiras :
Lucas Piero (Bruxinho)
Eddy Pecapedra
Marco Cervi (Grampola)
Amanda Ricci
Beatriz Silva

1001536_10151484688841577_777074954_n

fem1 masc1

RESUMO DO CAMPEONATO FEITO PELO BLOG DO RUGBY

Entre domingo e quarta-feira, see a cidade russa de Kazan recebeu as disputas dos torneios masculino e feminino de rugby sevens da Universíada, viagra a Olimpíada Universitária. Os dois torneios tiveram a participação do Brasil, generic que terminou em oitavo lugar no feminino e em décimo primeiro no masculino. A festa ficou com a seleção da casa, a Rússia, que mostrou a evolução de seu rugby conquistando a medalha de ouro nos dois torneios. No feminino, a prata foi da Itália e o bronze do Canadá, enquanto no masculino a prata ficou com a França e o bronze com a Grã-Bretanha.

 

Seleções brasileiras começam com vitórias!

]A seleção feminina do Brasil estreou na Universíada com vitória sobre as norte-americanas, de virada, por 12 a 5. Após sofrer um try nos minutos iniciais, o Brasil reagiu com um grande try de Thamara (UCL/Vitória) que havia entrado pouco antes no lugar de Amanda, e aproveitou a saída de um penal para percorrer toda extensão do campo, apoiando no ingoal adversário no último lance do primeiro tempo, que terminou em igualdade. Na etapa final, o Brasil pressionou e em uma tentativa de penetração na linha adversária, uma jogadora brasileira recebeu tackle alto, levando o árbitro a marcar penal try para o Brasil, prontamente convertido por Raquel. Os Estados Unidos tiveram a última posse de bola para trabalhar em seu campo ofensivo, mas não conseguiram atravessar a defesa verde-amarela, que saiu com a vitória.

A seleção masculina, por sua vez, não ficou atrás, e saiu do primeiro jogo com uma grande vitória sobre a Romênia. O Brasil marcou seu primeiro try logo no início, com Rambo correndo pela ponta. Antes do intervalo, saiu o segundo try dos Tupis, com Diegão, mas sem a conversão, fechando o primeiro tempo de superioridade verde-e-amarelo em 12 x 0. No segundo tempo, os romenos pressionaram logo após o kick-off, entraram nas 22 e caravaram o 12 x 7. Mas, a resposta brasileira foi imediata, com try de Grampola, novamente pela ponta, fechando a vitória da estreia em 17 x 7.

 

Derrotas no fechamento do domingo

Novamente, o fantasma chinês apareceu na frente do Brasil no feminino. Na segunda partida do domingo, o Brasil saiu perdendo logo no início para a China por 7 x 0, mas conseguiu a reação com try de Vanessa. Porém, a resposta chinesa foi imediata com o 14 x 5, e o Brasil não conseguiu mais voltar à disputa no primeiro tempo, sofrendo mais um try antes do intervalo. No segundo, o Brasil descontou novamente, mas a China garantiu o triunfo por 26 x 10.

Já o time masculino não foi melhor, levando incontestáveis 36 x 0 da França. Com isso, o Brasil disputa com a Itália – que bateu a Romênia – a segunda posição do grupo na segunda-feira.

 

Segunda-feira começa com derrotas, mas termina com grandes resultados

A participação brasileira no segundo dia de jogos se iniciou com a seleção feminina duelando com a Grã-Bretanha. E o jogo não começou bom para as brasileiras, que levaram 3 tries convertidos em sequência da forte equipe britânica. Binha respondeu ainda no primeiro tempo com try para o Brasil, após bela sequência de fases brasileira. 21 x 5 no intervalo. Mas, a reação parou no início da segunda etapa, com mais um try britânico logo no início. O Brasil descontou novamente com try não convertido, dessa vez com Thamara, escapando pela ponta, mas a Grã-Bretanha teve tempo ainda para outro try, fechando o jogo em 35 x 10.

No masculino, o desafio da vez era o duelo com a Itália, fechando a fase de grupos. Quem vencesse se garantiria nas quartas-de-final principais do torneio e seguia sonhando com medalha. Apesar da boa expectativa, o Brasil não foi páreo para o time italiano, que abriu logo no começo 12 x 0. O Brasil respondeu antes do intervalo com try de Pedrinho, após o Brasil conquistar a posse da bola em scrum originado na boa ação de mãos de Rivaldo e Bruninho. 12 x 5 no intervalo. Contudo, o segundo tempo foi Azzurro, com os italianos mantendo o maior volume de jogo, obrigando o Brasil a taclear muito. Os italianos abriram 22 x 5, definindo o jogo. Antes do fim, Marco Cervi fez o segundo try brasileiro, fechando o placar em 22 x 12.

O feminino voltou a campo também diante da Itália, já na manhã do Brasil. E o resultado foi um pouco melhor que o do masculino: um empate, para fechar a primeira fase. A vantagem inicial foi brasileira, com try de Thamara, fazendo 7 x 0. As italianos responderam com try ainda no primeiro tempo, mas sem a conversão. Logo no inicio da segunda etapa, a Itália virou o placar, mas as brasileiras foram buscar o empate, com try de Raquel. 12 x 12. O empate garantiu ao Brasil o segundo lugar do grupo e a classificação às quartas-de-final.

O masculino fechou a segunda-feira disputando as quartas-de-final da Taça Bronze (Bowl), e não deu chances para a Ucrânia, aplicando 17 x 0 para seguir sonhando com o nono lugar. Diegão, Martin e Rivaldo cravaram os tries do Brasil.

O Brasil volta a campo na terça-feira, às 3h00, nas quartas-de-final do feminino diante da Rússia e às 9h12 nas semifinal Bronze do masculino contra a Geórgia.

 

Brasil na Taça Prata Feminina

O Brasil começou a terça-feira com derrota. A seleção feminina não conseguiu avançar das quartas-de-final, caindo diante da forte seleção da casa.  As russas dominaram o jogo de ponta a ponta, levando o jogo para o intervalo em 24 x 0 e fechando o marcador em 31 x 0.

Com a derrota, o Brasil enfrentou na sequência sua velha conhecida e pedra na chuteira China. E, como teima em acontecer, o Brasil iniciou o jogo instável e cometendo erros, permitindo às chinesas abrirem implacáveis 19 x 0 no primeiro tempo. A China ampliou após o reinício, mas o equilibrio de forças passou a falar mais alto e o Brasil reagiu com 2 tries relâmpagos, de Raquel, após linda sequência de offloads, e Binha, deixando o placar em 24 x 12. Mas, a reação parou, com as chinesas segurando o placar.

 

Despedida brasileira no masculino

A seleção brasileira masculino encerrou a competição no 11º lugar, após ser eliminada na semifinal da Taça Bronze pela Geórgia. O Brasil começou muito bem a partida, fazendo um try logo de cara com Rivaldo. Porém, o time do Cáucaso não tardou a virar o placar, arrematando 12 x 7 antes do intervalo. O segundo tempo começou melhor para o oponente, que fez mais 2 tries, liquidando a fatura. Antes do fim, em boa jogada pela ponta, Rambo fez o último try brasileiro, fechando o placar em 22 x 12, encerrando a participação brasileira no torneio entre os homens.

 

Meninas em oitavo lugar

Na quarta-feira, apenas a seleção feminina entrou em campo, decidindo o sétimo lugar. As brasileiras não foram páreo para a França, caindo por 21 x 0, com 14 x 0 no intervalo.  Oitavo lugar no geral para o Brasil.

 

Universiada 2013

Masculino

Grupo A: Rússia, Polônia, Canadá e Ucrânia

Grupo B: Grã-Bretanha, Bélgica, Malásia e Geórgia

Grupo C: África do Sul, Japão, Namíbia e Letônia

Grupo D: França, Romênia, Itália e BRASIL

 

Domingo, dia 14 de julho

Rússia 45 x 0 Canadá

Polônia 34 x 0 Ucrânia

Grã-Bretanha 59 x 5 Malásia

Bélgica 26 x 0 Geórgia

África do Sul 41 x 12 Namíbia

Japão 28 x 15 Letônia

França 24 x 12 Itália

Brasil 17 x 7 Romênia

Rússia 45 x 0 Ucrânia

Polônia 24 x 15 Canadá

Grã-Bretanha 38 x 0 Geórgia

Bélgica 38 x 0 Malásia

África do Sul 47 x 7 Letônia

Japão 38 x 7 Namíbia

França 36 x 0 Brasil

Romênia 12 x 14 Itália

Segunda-feira, dia 15 de julho

Canadá 46 x 12 Ucrânia

Malásia 5 x 40 Geórgia

Namíbia 19 x 22 Letônia

Itália 22 x 12 Brasil

Rússia 38 x 05 Polônia

Grã-Bretanha 10 x 07 Bélgica

África do Sul 28 x 14 Japão

França 19 x 12 Romênia

masc

 

Taça Bronze (disputa pelo 9º lugar) – Quartas-de-final

Canadá 17 x 14 Romênia

Letônia 15 x 12 Malásia

Brasil 17 X 0 Ucrânia

Geórgia 40 x 7 Namíbia

 

Terça-feira, dia 16 de julho

Taça Ouro – Quartas-de-final

Rússia 39 x 0 Itália

África do Sul 26 x 12  Bélgica

França 24 x 5 Polônia

Grã-Bretanha 31 x 5 Japão

 

Taça Madeira – Semifinais

Romênia 24 x 7 Malásia

Ucrânia 19 x 45 Namíbia

 

Taça Bronze – Semifinais

Canadá 19 x 0 Letônia

Geórgia 22 x 12 Brasil

 

Taça Prata – Semifinais

Itália 10 x 12 Bélgica

Polônia 7 x 33 Japão

 

Taça Ouro – Semifinais

Rússia 17 x 14 África do Sul

França 33 x 12 Grã-Bretanha

 

Quarta-feira, dia 17 de julho

Taça Bronze – final

Canadá 12 x 26 Geórgia

 

Taça Prata – final

Bélgica 19 x 10 Japão

 

Decisão do 3º lugar – Medalha de Bronze

África do Sul 14 x 31 Grã-Bretanha

 

Final – Medalha de Ouro

Rússia 29 x 19 França

 

 

Feminino

Grupo A: Rússia, França, Japão, Canadá e Ucrânia

Grupo B: Grã-Bretanha, Itália, BRASIL, Estados Unidos e China

 

Domingo, dia 14 de julho

Rússia 33 x 05 Ucrânia

França 22 x 0 Japão

Itália 26 x 14 China

Brasil 12 x 5 EUA

Rússia 38 x 7 Canadá

França 10 x 17 Ucrânia

Grã-Bretanha 35 x 12 China

Itália 14 x 17 EUA

Canada 27 x 10 Japão

Rússia 36 x 0 França

Grã-Bretanha 24 x 19 Itália

Brasil 10 x 26 China

 

Segunda-feira, dia 15 de julho

Japão 0 x 19 Ucrânia

França 21 x 29 Canadá

Brasil 10 x 35 Grã-Bretanha

EUA 0 x 24 China

Rússia 19 x 05 Japão

Canadá 07 x 38 Ucrânia

Grã-Bretanha 21 x 10 EUA

Brasil 12 x 12 Itália

fem

 

 

Terça-feira, dia 16 de julho

Taça Ouro – Quartas-de-final

Brasil 0 x 31 Rússia

Grã-Bretanha 12 x 7 França

China 7 x 33 Canadá

Ucrânia 17 x 19 Itália

 

Taça Prata – Semifinais

Brasil 12 x 24 China

França 14 x 19 Ucrânia

 

Decisão do 9º lugar

Japão 10 x 5 EUA

 

Taça Ouro – Semifinais

Rússia 31 x 5 Canadá

Grã-Bretanha 5 x 14 Itália

 

Quarta-feira, dia 17 de julho

Taça Bronze (Bowl) – final

Brasil 0 x 21 França

 

Taça Prata – final

China 19 x 15 Ucrânia

 

Decisão do 3º lugar – Medalha de Bronze

Canadá 36 x 0 Grã-Bretanha

 

Final – Medalha de Ouro

Rússia 30 x 10 Itália

Comentários

comentários

Tags:

Os comentários estão fechados.